O MUNDO MÁGICO DE ESCHER.

M.C. Escher
Durante sua vida Escher fez 448 litografias, xilogravuras, gravuras em madeira, desenhos e esboços. Como alguns de seus predecessores - Michelangelo, Da Vinci, Dürer e Holbein - Escher também era canhoto.

Escher ilustrou livros, criou tapeçarias, selos postais e murais. Maurits Cornelis Escher nasceu em Leeuwarden, Holanda, e foi o quarto e mais novo filho de um engenheiro civil. Após cinco anos a família se mudou para Arnhem onde Escher passou a maior parte da sua juventude.

Após ser reprovado nos exames do ensino médio, Escher foi matriculado na Escola de Arquitetura e Artes Decorativas em Haarlem.

Após apenas uma semana na escola, Escher informou ao seu pai que desejava estudar artes gráficas em vez de arquitetura. Ele mostrou seus desenhos ao seu professor e gráfico Samuel Jessurun de Mesquita, que o encorajou a seguir este caminho. Sábia decisão.

Escher tornou-se famoso por suas chamadas estruturas impossíveis, com trabalhos como: Ascendente e Descendente, Relatividade, Metamorfose I, Metamorfose II e Metamorfose III, Céu e Água I e Répteis.

Além de gênio da Geometria Descritiva, Escher também dominava a Ótica.

Escher jogou com a arquitetura, a perspectiva e espaços impossíveis. Sua arte continua a surpreender e a admirar milhões de pessoas em todo o mundo. Em seu trabalho, nós reconhecemos uma minuciosa observação do mundo que nos rodeia e as expressões de suas próprias fantasias. M.C. Escher mostra-nos que a realidade é maravilhosa, compreensível e fascinante.

Fonte: Portal de Itaipu e www.mcescher.com

Quem Somos | Fale Conosco | Anuncie Aqui
© Copyright 2013