A GAGUEIRA

A Gagueira é um distúrbio da comunicação que sempre se manifesta de maneira singular, ou seja, não existem duas pessoas que gaguejem do mesmo modo ou que tenham o mesmo comportamento frente à sua fala gaguejada e tem como características:

a) bloqueios: “Pegue a [silêncio por alguns segundos] colher, por favor.”;
b) repetições: “On-onde está o telefone?” ou “Onde está o te-telefone?”;
c) hesitações: “Hoje eu voooouuu [pausa para pensar em uma palavra que não o faça gaguejar] ao cinema” ou “Hoje eu vou... é... é... ao cinema”;
d) prolongamentos: “Mmminha mãe está chamando”; e
e) imobilizações pré-fonatórias: movimentos orais que impedem momentaneamente a pessoa de iniciar a fala, ou seja, a musculatura oral “trava”.

Existem três tipos de gagueira:
- gagueira fisiológica: ocorre em crianças em período de desenvolvimento da linguagem e permanece até os cinco anos aproximadamente;

- gagueira primária: afeta crianças em período escolar dos seis anos em diante;

- gagueira secundária: presente em adolescentes e adultos e tem comportamento associado (que nem sempre é motor) ao ato de falar chamado secundarismo, como por exemplo, piscar de olhos, sudorese, sentimentos de angústia, tensões.

A Gagueira tem tratamento onde o objetivo é restaurar ou incrementar a habilidade do gago falar fluentemente em qualquer situação.

Dúvidas para: fgafernanda@gmail.com

FERNANDA FERREIRA – CRFa 11161
Bacharel em Fonoaudiologia pela UFRJ, Pós-graduada em Psicomotricidade pela UCAM, Mestre em Psicologia pela UFRJ.
Telefone: 8152-9333 / 7852-0977

P A T R O C I N A D O R E S
Quem Somos | Fale Conosco | Anuncie Aqui
© Copyright 2013